Oficialmente…

28 01 2008

Mais um perigo na estrada :p





Há coisas fantásticas, não há?

27 01 2008

Marinho Pinto é considerado um homem democrático.

(Mas só fora da ordem dos Advogados, não é?)





Leva me contigo – Duarte Rosado

20 01 2008

Descoberta feita através da minha vizinha do quarto ao lado.
Thanks 😉





17 01 2008

Encontro-te numa rua escura, ainda marcada pelas primeiras chuvas de Janeiro.

“Olá” – disse-te.
Respondes-me com um olhar frio e distante que desconheço.
“Estás bem?” – pergunto-te.
Respondes-me que sim mas continuas parada, sem reacção e com esse olhar que continuo sem compreender. Um olhar que nunca pensei ver em ti, repleto de ódio e desilusão, um olhar que me apavora.
“Não te quero perder” – digo-te.
“Isso nunca acontecerá” – respondes. Fico mais calma, julgando que estás apenas num dia mau e que tudo passará. Sinto-me aliviada. A ideia de te perder perseguiu-me nos ultimos dias e estava a tornar-se impossível viver com ela.

Voltas-me as costas por um minuto (algo que me preocupa, pois jamais me voltarias as costas). Quando voltas a olhar-me nos olhos o teu olhar paralisou-me.

Um punhal de prata atinge-me no peito.

“Porquê?” – Questiono-te com o olhar.

Nada dizes continuas com o mesmo ódio e as mesmas acusações que continuo sem entender.

A surpresa.
A tristeza.
A incompreensão.
A desilusão.
O rosto pálido.
O sangue a correr e a deixar as suas marcas no chão.
As lágrimas a misturarem-se com o sangue, num vermelho tão vivo que não queria deixar fugir.
A dor causada pela ferida tão mais profunda que a facada.

Voltas as costas ao meu corpo que jaz morto no chão.

“Why have you forsaken me?”





Hey you

17 01 2008

Hey You

Hey you,
Out there in the cold,
Getting lonely, getting old,
Can you feel me?

Hey you,
Standing in the aisle,
With itchy feet and fading smile,
Can you feel me?

Hey you,
Don’t help them to bury the light.
Don’t give in, without a fight.

Hey you,
Out there on your own,
Sitting naked by the phone,
Would you touch me?

Hey you,
With your ear against the wall,
Waiting for someone to call out,
Would you touch me?

Hey you,
Would you help me to carry the stone?
Open your heart,
I’m coming home.

But it was only, fantasy.
The wall was too high, as you can see.
No matter how he tried, he could not break free.
And the worms ate into his brain.

Hey you,
Out there on the road,
Always doing what you’re told,
Can you help me?

Hey you,
Out there beyond the wall,
Breaking bottles in the hall,
Can you help me?

Hey you,
Don’t tell me there’s no hope at all.
Together we stand, divided we fall.

Pink Floyd




Frase do dia

17 01 2008

“Eu não conheço a metade de vocês como deveria, mas gosto de menos da metade de vocês a metade do que vocês merecem.”





Devia ser proibido…

14 01 2008

Exibirem dois filmes bons seguidos em véspera de exame de obrigações.

Isto não se faz!!!