Não querem lá ver…

30 09 2009

Que houve uma revisão constitucional e eu não dei por nada?

Então o Presidente da República para além de ter competência políticas agora também já pode fazer declarações políticas como um qualquer candidato em tempo de campanha?

Assim anda um dos órgãos de soberania em Portugal.

Anúncios




Reacção de alguns militantes da JSD à derrota eleitoral de ontem

28 09 2009

“O POVINHO É ESTÚPIDO”

Tive a oportunidade de ler esta frase num conhecido blogue apoiante do PSD e fiquei chocada (é certo que dos lados da JSD já se vai esperando tudo, no entanto isto é demais). Primeiro pensei que tinha lido mal, no entanto era essa a frase escrita e repetida ao longo do texto.

Em primeiro lugar esta expressão apenas demonstra o carácter (ou a falta dele) de alguns militantes da JSD (visto que alguns tiveram a decência de discordar da expressão acima escrita). Alguém que se interessa apenas em ganhar e quando não o consegue parte para a ofensa e para os ataques baixos. É certo que ninguém gosta de perder. No entanto os portugueses (penso que seja esse o significado de povinho) não merecem ser tratados desta maneira apenas porque alguns meninos têm mau perder. No quotidiano e na vida política há que saber respeitar a escolha da maioria e aceitá-la.

Em segundo lugar. Qual é a definição de povinho? Será que voltámos à divisão da sociedade em classes? De um lado o “povinho estúpido” que não quer a Dra. Manuela Ferreira Leite à frente do Governo e do outro a “elite” que sabe o que verdadeiramente interessa para o país?Pois se assim é eu tenho muito orgulho em pertencer ao “povinho”.

Terceiro. Se “o povinho é estúpido”. Também o foi nas eleições europeias quando deu a vitória ao PSD, atribuindo um cartão amarelo à governação de José Sócrates?

Meus senhores o “povinho” são os portugueses e os portugueses não são estúpidos. Pelo contrário, souberam reconhecer que apesar de alguns erros que o Governo de Sócrates possa ter cometido, será sempre melhor que a governação retrógada e conservadora por parte de Manuela Ferreira Leite. O “povinho” esteve atento às constantes contradições em que a Dra. Manuela Ferreira Leite caiu durante a campanha. O “povinho” não se esquece do que a Dra. Manuela Ferreira Leite fez nos governos passados.

Por fim o “povinho” soube reconhecer que eram necessárias algumas mudanças e atribuiu apenas a maioria relativa a José Sócrates e ao Partido Socialista.

E em jeito de despedida o “povinho” está atento a este tipo de ataques e faltas de respeito por parte daqueles que se dizem pretendentes a reger o destino de Portugal.

Compreendo que a derrota tenha trazido alguma azia (traz sempre, independentemente da cor partidária). No entanto a azia cura-se facilmente e não pode servir para ofender nem desrespeitar o povo português.

É por estas e por outras que o “povinho” começa a ver que o PSD é cada vez menos uma alternativa credível.





Vitória!

28 09 2009

PS

É bom acordar no século XXI e acima de tudo sem Manuela Ferreira Leite!

Parabéns a todos os que ajudaram na conquista desta vitória!





Há alturas em que é difícil estar longe

16 09 2009

todos por evora

Da esquerda para a direita: Nuno Lino, Rita Martins, Francisco Costa e Rui Praxedes

E então no que toca a trabalhar com estes meninos ainda mais.

Sem dúvida que estão de Parabéns pelo trabalho incansável ao longo não só destes últimos dias mas também destes últimos tempos. Não existe acção de campanha em que eles não estejam.

Sempre com boa-disposição e um sorriso na cara mas com a seriedade e competência exigidas pelo trabalho desempenhado.

É por existirem pessoas como vocês que vale a pena continuar.

Não posso dizer que volto depressa mas farei os possíveis por consegui-lo!!





Dia 28 acorda no século XXI

12 09 2009




De volta

11 09 2009

Pois é meus caros, as férias foram óptimas, souberam a pouco mas acabaram.

Foi preciso ir-me embora para porem a Manuela (Moura Guedes) na rua. Sob pena de me acusarem de ter algo a ver com o despedimento acho que o País e o jornalismo nada perdem com esta saída.

Quanto aos debates infelizmente poucos consegui seguir totalmente mas pelo que consegui perceber a troca e discussão de ideias foi a pretendida. Agora é tempo de reflexão e de tirar conclusões e de tudo o que foi dito e debatido.

Quanto a mim. Agora segue-se um período muito pouco semelhante ao das férias que agora acabam.

Entre exames, problemas pedagógicos, eleições e campanhas algo me diz que o tempo vai ser pouco.

Mas quando se gosta…

P.S: Só mais uma coisa, mais que todos os debates, uma expressão foi reveladora: “Portugal deveria ter um Governo igual ao da Madeira” (MFL)





Encerrado para férias

1 09 2009

Pois é meus caros, estava difícil mas finalmente chegaram. Até dia 10 de Setembro estarei fora e longe dos meios informáticos, pelo que este blogue, tal como eu está encerrado para férias.

Para os que regressam, bom regresso ao trabalho e aos estudos e para os que vão.

BOAS FÉRIAS!!!!